IMG_5439

VILA, VILA, VILAVELHENSE E O CAMPEÃO ESTADUAL DE FUTSAL 2017

Time canela verde, supera a troca de local horas antes da decisão, o calor, o favoritismo do adversário e fatura o título do futsal adulto masculino deste ano. Não foi uma partida fácil, um calor quase insuportável dentro do Ginásio Jones dos Santo Neves, o DED.

A galera do alambrado até que compareceu em um bom número para uma segunda feira, o Vila começou melhor, criou as melhores oportunidades, Mais esbarrava nas grandes defesas do goleiro Marcelo Muniz. Diante da superioridade do Vila, o técnico Eric Bonfim começou a alternas as formações para achar o equilíbrio de sua equipe.

IMG_5452

O time de Bento Ferreira achou e equilibro no jogo ainda na primeira etapa, a partida ficou lá e cá. Mais quem abriu o marcador foi o time de Vila Velha em uma jogada individual de Maykinho. O camisa nove do Vila levou toda a marcação com dribles de um dois, um dois, e fuzilou para meta de Marcelo Muniz que nada poderia fazer diante de foguete disparado em sua direção. Vila 1×0 Álvares, esse  foi o placar do primeiro tempo.

IMG_5441

No segundo, com a temperatura ainda muito alta dentro do ginásio, começou com o time cabralista dando as cartas nos minutos iniciais. Com um futebol bem diferente, o time poderia ter empatado a partida logo no primeiro lance, mais ai veio o que seria um fator determinante para sua pretensões ao título, os erros.

Errando nas conclusões, viu o time do Vila crescer novamente na partida e chegar ao segundo gol em lance de bola parada. Mais uma vez Maykinho, ele cobrou uma falta com estilo, só colocou a bola para balançar as redes, Vila 2×0. Com o resultado negativo, o time cabralista foi para tudo ou nada, ai pareceu as estrelas, apesar de não ter feito nenhum gol na partida, Lekão foi o nome do time, com distribuição perfeitas nos passes, o veterano mostrou que ainda tem muita bala na agulha dentro do futsal capixaba.

IMG_5399

Como falei as estrelas do time começaram a brilhar, primeiro Falcão diminuiu, Neguinho empatou, e poderia ter virado, o jogador recebeu um passe de Lecão, na hora que iria arrematar escorregou, mesmo no chão ele tentou de cabeça, mais não teve êxito. O castigo veio logo em seguida, o Vila fez seu terceiro gol com o camisa 8 e capitão da equipe Rafinha Carioca. Com o tempo fim da partida se aproximando, veio o goleiro linha para o time cabralista, só que, o efeito foi ao contrário, em uma triangulação da própria equipe Diego rolou para trás e fez o gol contra.

Era o quarto do Vila, o goleiro linha que seria a solução, sabemos que nesta ocasiões pode ou não da certo, e desta vez não deu! O time ainda marcou o seu terceiro gol com Mateus Cola, mais não havia tempo para se buscar o empate. Final de partida a galera do alambrado veio comemorar com seu time o título estadual tão aguardado.

E segue a vida, P c Esportes.

PAZ NO ESPORTE & NAS COMUNIDADES!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *